GS1 Portugal marca presença em Think Tank sobre o setor da Saúde

No dia 15 outubro, a GS1 Portugal integrou o Think Tank organizado no âmbito da iniciativa SNS 4 Décadas de Sucesso. Sob o mote “O Despertar de um sonho”, entidades governamentais, líderes de opinião e especialistas do setor da Saúde promoveram a discussão sobre a estratégia nacional do eHealth e a sustentabilidade do SNS.

Estimular o debate e a ação sobre o papel que a sociedade civil e o setor privado poderão desempenhar para um SNS moderno, inovador e sustentável. Este foi o objetivo central do Think Tank sobre o setor da Saúde para o qual a GS1 Portugal foi convidada enquanto agente promotor da sustentabilidade e eficiência administrativa, cada vez mais importante na Saúde.

Entre os principais desafios destacaram-se:

  • Fazer coincidir a eficácia da prestação de um serviço com a plena satisfação dos utentes;
  • Investir em novos modelos organizacionais e no reforço de competências “soft skills” necessárias a um desempenho de qualidade na prestação de cuidados de saúde;
  • Aumentar os ganhos em Saúde pelo envolvimento dos Municípios, Escolas e outros agentes em estratégias locais de saúde nas suas áreas de intervenção;

Como respostas foram debatidas as seguintes temáticas:

  • Transformação digital e incentivos para a mudança
  • Acesso universal e articulação público-privado
  • Segurança, Privacidade e Compliance
  • E-saúde, tele-monitorização e inteligência artificial

Nesta discussão, o cidadão foi a peça central deste debate que afirma ser pelo empowerment (empoderamento) dos cidadãos, pela participação ativa da sociedade e por uma procura contínua de qualidade, apelando a um novo pacto para a Saúde para os próximos 40 anos do SNS. As tecnologias e a sustentabilidade no setor da Saúde foram também temáticas em destaque.

Mais informações em https://www.sns4decadasdesucesso.pt/

O que é um think tank? Um think tank, think factory ou laboratório de ideias é uma organização que realiza pesquisa e advocacia em tópicos diversificados que intersectam a estratégia, a tecnologia e a ciência política, geralmente levados a cabo por organizações sem fins lucrativos, como é o caso do Fórum Hospital do Futuro.